1.1.10

soma de dias


Trezentos e sessenta e cinco dias, dezoito primaveras, quase duas décadas percorridas, inúmeros minutos passados, muitas histórias, fatos infinitamente particulares, sonhos idealizados, vontades realizadas, alguns desejos quebrados, algumas metas alcançadas, muitos planos frustrados. Faz parte do meu show!A cada soma de dias, a diferença, a mudança. A seta indicando: siga por aqui! As fases por quais todos nós passamos. É, teoricamente a vida parece simples, mas ela não é. Nascer, crescer, envelhecer e morrer, não é um ciclo comum, não faz parte do plano original. Mas por enquanto, vivemos assim, em fases. Como a lua, se transformando gradativamente, sob formas diferentes.Há quem diga que nada mudou, que tudo continua. Pois eu digo, tudo está em constante alteração, há os que percebam isso, e os que não se dão conta, pois os dias se tornam iguais sob um ponto de vista, assim como antigamente.Os porquês da infância são diferentes, se tornaram mais concretos, mais objetivos. 
A fase da dependência agora é outra, pois a necessidade de se depender de algo ou alguém não é mais tão intensa, ela vem em alguns momentos e logo some. Um simples brinquedo não distrai mais a atenção, o que atrai é um pouco mais complexo.Há cinco, dez anos atrás, ainda se lembra? O que era importante? O porque seus pensamentos mudaram? Idéias, atitudes e opiniões, mudadas radicalmente, mas em um espaço grande de tempo. Agora eles tentam se equilibrar e achar o ponto central, o ápice de suas junções. Não o equilíbrio perfeito, mas o ideal para agora, o agora que irá ser refletido mais tarde, e que trará consequências.
Os planos são muitos, esses nunca deixarei de lado, estarão ali, sempre anotados, sempre guardados, e postos imediatamente em prática, um por um. Os desejos e vontades ultrapassam a linha do Equador, e esses, eu também não deixo de lado, estarão aqui, no lado esquerdo do peito, e na fila, só esperando uma oportunidade certa. As idéias ultrapassam limites, pois o pensamento é mais rápido e a imaginação fértil demais, mas elas não ficarão somente no bloco de notas, elas também sairão do papel.A diferença nisso tudo nessa louca linha do tempo é que na década passada, no mês passado, ontem mesmo! A tinta borrava, e o que era gravado, ia se deteriorando aos poucos, sem ao menos as letras se mexerem e saírem para o mundo, para o meu mundo real. Porém, há chances de dar continuação, de não deixar o papel se desgastar e de tudo se apagar.
Pauta para o blorkutando
.
O que passa são os dias, meses e anos, pois o tempo não pode parar, mas o que vale é a continuação de tudo já escrito, pensado, planejado, os dias a frente são somente para a prática e a criação de novos planos, baseados em resultados anteriores. Não há vida nova . Você pode não perceber, mas algo muda, porque os dias, ah, os dias, sabe.. eles não são completamente iguais, depende de como você vê.
Mas vamos parar de falar sobre o tempo, me fale sobre você.

Um comentário:

  1. O tempo sempre passando e nós sempre recomeçando!
    mas sempre com uma vontade a mais *----*

    "o que passa são os dias, meses e anos, pois o tempo não pode parar!"

    amei ><

    ResponderExcluir

Que sua leitura tenha sido agradável! Se quiser se expressar, as portas estão abertas. Comentários respondidos nos blogs de origem.